MARIDO CORINTHIANO MATA ESPOSA TORCEDORA DO PALMEIRAS POR COMEMORAR A VITÓRIA NA FINAL DA LIBERTADORES

Sabemos que tudo isso não faz parte do futebol, apesar da rivalidade, devemos ter respeito, dentro e fora de campo por nossos rivais, mas, infelizmente, este doente mental fez isso, e acabou com a alegria de uma torcedora apenas por não se sentir confortável com a felicidade alheia, esperamos que a justiça seja feita, e desejamos nossos sentimentos a toda a família.

Segundo informações do jornal [O dia] e da TV Record, um empresário matou sua esposa após uma discussão sobre a final da Libertadores.

Érica Fernandes Ceschini de 34 anos estava feliz comemorando a vitória do Palmeiras pela final da Libertadores, seu marido, Leonardo Souza Ceschini, corinthiano, não teria gostado da comemoração da mulher, pela vitória do time rival, o casal morava em um apartamento na Vila Magalot, em São Paulo, o acusado confessou o crime, disse que estava sendo agredido com a faca, quando a tomou da mão da vítima e desferiu golpes contra ela.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *